Seja Bem vindo - Teresina, 20 de Novembro de 2017
Teresina
+24...+34° C
SEMCASPI - ESTUDO

Teresina recebe pesquisa de inclusão social da Fiocruz

A capital piauiense é um dos seis municípios brasileiros a receber o estudo

10/03/2017 - 08h00 Imprimir Envie por e-mail

Teresina recebe pesquisa de inclusão social da Fiocruz

O prefeito Firmino filho recebeu nesta quinta-feira (09) pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) que estão  desenvolvendo em Teresina  o Estudo Exploratório sobre a implementação do Projeto de Inserção Social para Usuários de Drogas em situação de vulnerabilidade no Brasil.


Essa pesquisa está sendo realizada em seis municípios brasileiros e é financiada pela Open Society Foundations. A primeira etapa da pesquisa já foi concluída e os pesquisadores estão iniciando a segunda fase.


O objetivo principal da pesquisa é documentar as etapas iniciais de implementação e desenvolver uma proposta que permita monitorar a plena implementação dos Projetos de Inclusão Social (PIS) nos municípios. Os PIS em questão são financiados pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça e Segurança Pública e recebem também o apoio do Projeto Redes, que é fruto de uma parceria entre a Senad e a Fiocruz.


O projeto trabalha quatro eixos com seus beneficiários, sendo eles: moradia, alimentação, formação e trabalho, cultura e lazer, o que garantiu ao município ser escolhido como uma das seis cidades a receber a equipe da Fiocruz.


Segundo a professora e pesquisadora da Fiocruz, a psicóloga Pilar Belmonte, o resultado da pesquisa servirá como instrumento que dará visibilidade ao gestor do trabalho que está sendo realizado, seus resultados, insumos gastos entre outros. "É um instrumento fundamental para a gestão conhecer a eficiência dos seus programas e seus efeitos", disse.


Para o prefeito Firmino Filho, essa pesquisa é importante por mostrar aos municípios os resultados efetivos dos projetos. “Na área de assistência social temos projetos sociais grandes, caros e que às vezes temos dificuldades em mensurar os resultados. Vejo que essa pesquisa tem o relevante papel de mostrar a eficácia dos projetos e dando resultados concretos sobre a mudança da realidade das pessoas atendidas por esses projetos. A Prefeitura de Teresina está totalmente disponível e aberta para colaborar com a execução da pesquisa”, disse o prefeito.




Tags: estudo, fiocruz, vulnerabilidade social, drogas, prefeitura, Teresina, Semtcas


Compartilhe está postagem:

  • twitter
  • google plus
  • facebook
  • facebook compartilhar

Últimas Notícias





PMT Multimídia

PMT no Twitter


Prefeitura Municipal de Teresina - PI

Contato

Contatos Úteis

  • BOMBEIROS193
  • CORREIOS(86) 3301-3500
  • DELEGACIA DA MULHER(86) 3222-2323
  • POLÍCIA CIVIL(86) 3216-5212
  • RONDA CIDADÃO(86) 3131-4781
  • Mais Números Úteis

© 2013 PMT, Todos os direitos reservados
Desenvolvido por PRODATER.