Seja Bem vindo - Teresina, 19 de Junho de 2018
Teresina
+24...+34° C
FWF - QUALIFICAÇÃO

Fundação Wall Ferraz planeja ações do Projeto “Profissionalizar para Inserir”

A proposta é atender demandas qualificação avançando na perspectiva de inclusão

19/02/2018 - 15h15 Imprimir Envie por e-mail

A Fundação Wall Ferraz (FWF) desenvolve vários programas e projetos de formação e capacitação profissional. Dentre os quais, está o Projeto “Profissionalizar para Inserir”, que oferece formação inicial e continuada às pessoas com deficiência, mulheres vítimas de violência, dependentes químicos, juventude negra e população LGBT, visando sua profissionalização e inserção no mercado de trabalho.

 

Na manhã desta segunda-feira, 19, a FWF se reuniu com órgãos e entidades para apresentar as propostas para execução do projeto que visa atender demandas específicas de segmentos com representatividade no município de Teresina. A reunião contou com a presença de representantes da COMAD (Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas), CONADE – TE (Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência) e SEMCASPI (Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas)

 

Segundo a presidente da Fundação Wall Ferraz, Samara Pereira, o objetivo do encontro era levantar as demandas dos vários segmentos. “A população LGBT, população de rua, pessoas com deficiência e suas famílias, dependentes químicos em tratamento são grupos que a gente desenvolve ações e propostas para capacitação e qualificação profissional de acordo com o perfil de cada segmento”, afirmou.

 

Para a secretária executiva do Conselho Municipal de Direitos da População LGBT, Sara Carvalho, a FWF é uma forte aliada no lançamento de estratégias e ações que visam a qualificação e capacitação profissional do público LBGT. “A gente acredita que essa inciativa de qualificação vai avançar bastante, visto que é uma demanda que cresce muito e está em todos os locais”, pontuou.

 

A técnica da Gerência de Direitos Humanos de Teresina, órgão ligado a SEMCASPI, Nayana Vasconcelos, enfatizou a importância da capacitação não apenas para a sociedade em geral, “mas também para os profissionais que lidam diariamente com esses segmentos, como é o caso dos Servidores e trabalhadores que compõe o controle social, como os Conselhos Tutelares, Conselhos de Direitos. Acredito que a população só tem a ganhar com essas ações”.

 

O objetivo do projeto é desenvolver uma política dirigida com base nas demandas específicas e construídas de maneira coletiva com as representações de cada segmento para a realização de uma capacitação mais efetiva e de qualidade.




Tags: encontro, planejamento, ações, profissionalizar pra inserir, fwf


Compartilhe está postagem:

  • twitter
  • google plus
  • facebook
  • facebook compartilhar

Últimas Notícias





PMT Multimídia

PMT no Twitter


Prefeitura Municipal de Teresina - PI

Contato

Contatos Úteis

  • BOMBEIROS193
  • CORREIOS(86) 3301-3500
  • DELEGACIA DA MULHER(86) 3222-2323
  • POLÍCIA CIVIL(86) 3216-5212
  • RONDA CIDADÃO(86) 3131-4781
  • Mais Números Úteis

© 2013 PMT, Todos os direitos reservados
Desenvolvido por PRODATER.